PCDF indicia homem que esfaqueou mulher grávida na Asa Norte

0
29
A jovem grávida identificada como Gabriele, de 23 anos
A jovem grávida identificada como Gabriele, de 23 anos

Foragido desde 21 de dezembro de 2022, Hermes Antônio de Magalhães, de 24 anos, é o principal suspeito de tentar matar a jovem grávida identificada como Gabriele, de 23 anos, na 708 Norte. O homem foi indiciado e segue sendo procurado pela polícia.

Por volta das 5h do dia 21 de dezembro do ano passado, o suspeito atingiu a vítima nas costas e braços com cinco facadas, de acordo com a Polícia Civil do Distrito Federal (PCDF). No mesmo dia, Hermes foi identificado como o autor, fugiu do local do crime e passou a se esconder. ”Este crime foi praticado com absoluto requinte de crueldade, porque o autor sabia que a vítima estava grávida e mesmo assim desferiu cinco facadas”, afirma o delegado, João Guilherme.

Hermes Antônio de Magalhães, de 24 anos, é procurado pela PCDF por tentativa de homicídio e tentativa de aborto.

Durante as investigações a equipe da 2ª Delegacia de Polícia (Asa Norte), chegou até um dos endereços utilizados pelo suspeito e encontrou uma elevada quantidade de drogas, apontadas como cocaína e maconha, espalhados por diversos locais da residência, inclusive dentro da geladeira.

A vítima, que estava grávida de 7 meses à época do crime, é conhecida na região como “gravidinha” e segundo testemunhas, trabalhava como garota de programa. A motivação do crime está sendo apurada, porém há indícios de ligação com drogas, segundo investigações.

Em um dos endereços utilizados pelo suspeito e encontrou uma elevada quantidade de drogas

Ainda de acordo com testemunhas, uma discussão pôde ser ouvida entre o suspeito e a vítima antes do crime. Após ser atingida, Gabriela correu para um beco próximo nua apenas com uma manta cobrindo parte do tronco. Sem conseguir pedir ajuda, a jovem permaneceu sentada no chão quando duas mulheres, ao perceberem que a colega estava ferida, duas correram para pedir socorro. Em seguida, a vítima foi socorrida pelo Corpo de Bombeiros do Distrito Federal (CBMDF) e encaminhada para o Hospital de Base de Brasília.

Se condenado, Hermes pode pegar uma pena máxima de até 30 (trinta) anos de reclusão pelos crimes de tentativa de homicídio qualificado e tentativa de aborto. A 2ª DP pede o apoio da população para localizar o autor. Qualquer informação pode ser fornecida à Polícia Civil do DF através de denúncia anônima no número 197. Os dados do denunciante são mantidos em absoluto sigilo.

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA